João rejeita ser vice de Ricardo e não aceita comissão provisória do PSB

Publicado em 9 set 2019 - silvano

O presidente do Diretório Nacional do PSB, Carlos Siqueira, decidiu nesta segunda-feira (09), após reunião com a cúpula do partido, em Brasília, nomear o ex-governador Ricardo Coutinho como presidente da Comissão Provisória da legenda. No entanto, uma carta assinada por João Azevedo e outros 18 socialistas, condena o o ato final de dissolução do diretório com a consequente queda de Edvaldo Rosas da presidência. E dizem que não há interesse na participação da Comissão Provisória.

secretário de Articulação do Governo sobre impasse no PSB
“Diante do exposto, nós não entendemos os motivos e não aceitamos a dissolução do Diretório Estadual, principalmente da forma que foi feita, recolhendo assinaturas na calada da noite e sob argumento de que seria para reestruturar o partido no Estado”. A carta continua com a enfática decisão de que não há interesse na participação da Comissão Provisória.