Santa Helena: Pré-candidata Corrinha Félix consta na lista de beneficiários do auxílio emergencial por recebimento indevido. Confira!

O auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal a pessoas beneficiárias de programas sociais ou em situação de vulnerabilidade vem dando o que falar. Após a ampla divulgação dos nomes dos beneficiários muita gente tem ficado com dor de cabeça.

Diversos figurões da política, esposas, filhos e familiares na região do alto sertão configuram como beneficiados.

Um fato que chama atenção é o nome da pré-candidata a Prefeita em uma das chapas formadas pelo grupo de oposição Corrinha Félix. Segundo apurou a nossa redação o nome da mesma configura como uma das beneficiárias constatando uma irregularidade na análise dos dados para concessão do benefício.

Um relatório do TCU (Tribunal de Contas da União) mostra que 235.572 empresários, que não são MEIs (Microempreendedores Individuais), receberam o auxílio emergencial de R$ 600 pago pelo governo federal devido ao novo coronavírus.

 

A lei que estabelece o auxílio emergencial permite que MEI (Microempreendedores Individuais) e contribuintes individuais da Previdência recebam o benefício, desde que cumpram critérios como ter renda por pessoa da família de até R$ 522,50 ou renda familiar de até R$ 3.135 e não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.

Nossa reportagem deixa o espaço aberto para os citados na matéria.

Por Silvano Dias