Suspeitos de hackear celulares de Moro e Dallagnol são levados para o DF

Publicado em 24 jul 2019 - silvano

Os quatro suspeitos de invadir e roubar mensagens do celular do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e do procurador da República e coordenador da Operação Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol, foram transferidos na noite desta terça-feira, 23, para Brasília. Eles foram presos pela Operação Spoofing e já prestam depoimento na Superintendência da Polícia Federal do Distrito Federal.