VÍDEO: Após morte de trigêmeo, Drª Paula diz que vai fiscalizar HRC e levar casos ao secretário de Saúde

Publicado em 17 ago 2019 - silvano

A morte de um dos trigêmeos que nasceu em Cajazeiras na terça-feira (13) gerou críticas da deputada estadual Paula Francinete (PP) ao atendimento na Maternidade Deodato Cartaxo.

Em participação no programa Olho Vivo nesta sexta-feira (16), Drª Paula disse que os bebês deveriam estar em uma encubadora na maternidade.

https://youtu.be/q8DV4bNmn2w

“Eu não posso silenciar diante de um pai e uma mãe que perdem um filho ao nascer, por negligência. Cadê o médico? Cadê a médica que atendeu? Precisa estar atento a tudo isso”, falou a parlamentar.

A mãe e as crianças receberam alta da maternidade na quinta-feira e foram para São José de Piranhas. Mas nesta sexta, um dos bebês deu sinais de que não estava bem e foi levado de volta para a maternidade, mas não resistiu e faleceu. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Drª Paula disse que vai liderar a Frente Parlamentar de Saúde da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) para fiscalizar os hospitais regionais e encaminhar problemas e sugestões ao secretário de Saúde do Estado, José Maria de França.

“Nós não estamos fazendo levantamento só para fazer críticas, mas também para que a gente possa ver o que podemos melhorar. Vamos levar ideias para o secretário de Saúde”, completou.

Redação DIÁRIO DO SERTÃO